Natal nos Castelos, um conto de fadas para os jovens e velhos

Por ocasião das férias de fim de ano, os castelos do Vale do Loire
investem em suas decorações. Farandole de pinheiros (uma dança popular de pinheiros da Provença), criações vegetais extraordinárias, animais fantásticos e outras guloseimas fazem parte da experiência deum Natal mágico. Uma majestade!

Começando em dezembro e até começo de janeiro, os Castelos do Loire comemoram o Natal. Enfeitados para os feriados, os castelos estão abrindo mercados gourmet de Natal, natividade, árvores de Natal gigantes. As famílias são convidadas para uma história em torno da lareira com uma caneca de chocolate quente. No Natal, os Castelos são mais mágicos do que nunca!

Mercados de Natal dos Castelos do Loire

Não é apenas na Alsácia que você pode encontrar encantadores mercados de Natal! Muitos dos Castelos do Vale do Loire também estão organizando-os. No Château de Brissac, artesãos de toda a França vêm vender as suas criações: decorações de Natal, brinquedos de madeira e muito mais.

No Castelo de Brézé, os artesãos locais estão abrindo seu próprio mercado em um lugar um tanto incomun: as velhas caves feudais onde as riquezas do Château foram escondidas. Os adultos podem saborear vinhos locais, enquanto as crianças podem fazer passeios de pôneis em torno dos fossos do castelo.

Outro castelo, outro sabor da cozinha francesa: Azay-le-Rideau o convida a visitar as suas coleções com temas alimentares, seguido por uma degustação de doces locais, pão de gengibre e suco de maçã artesanal.

Decorações de conto de fadas nos Castelos do Loire

Para as férias de Natal, cada quarto do Castelo de Chenonceau foi decorado pelo time de floristas do castelo (que também se encarregam de decorar o resto do ano). Buquês de flores, enfeites e árvores de Natal gigantes decoram a Grande Galerie - única de ano para ano, o efeito é absolutamente esplêndido.

A Fortaleza Real de Chinon também é adornada com decorações florais, onde uma dúzia de árvores - cada uma diferente da próxima - estão apenas esperando para ser descobertas.

Para apreciar as cenas da natividade, visite o Castelo de Amboise (para cena de um pântano neopolitan), o Castelo de Villandry, ou o Castelo de Cheverny. O famoso Castelo de Tintin também convida você a desfrutar de uma caneca de chocolate quente ao redor da lareira.

Para ter um brilho no seu olhar, vá para o Castelo de Langeais, que é todo iluminado para o Natal.

Tradições de Natal nos Castelos do Loire

O Natal é também - na verdade, é acima de tudo - um feriado de tradições, incluindo contar histórias em torno da lareira. Desfrute de histórias no Castelo de Chambord, no Castelo de Meung-sur-Loire, ou no Castelo de Beaugency, onde as crianças podem apenas ter uma chance de conhecer o Pai Natal.

Para compreender a história do Natal na França desde a Renascença até hoje, veja as câmaras reais decoradas do Castelo de Amboise. O "Natal através das idades" um show de cartoon revela todos os segredos deste feriado tradicional.

Castelo de Chenonceau

Para celebrar as datas especiais de fim de ano, um verdadeiro cenário extraordinário ganha vida no Castelo de Chenonceau. Cavalos com asas e garras, “peritio” (um animal “meio cervo e meio pássaro”), pássaros engraçados eaté um unicórnio estarão neste evento que fecha o ano de 2019, e comemora os 500 anos de renascença do castelo. Esta, também, é a oportunidade de admirar as diferentes composições de plantas do ateliê de flores de Chenonceau, já bastante conhecida por suas criações excepcionais.

O Castelo de Azay-le-Rideau

O que seria o Natal sem os seus doces tradicionais? Em Azay-le-Rideau, os amantes da culinária estão na festa! Além das delícias que invadem todos os cômodos, descobrimos as coleções do castelo através do paladar, onde percorremos por passeios temáticos que contam a história do chocolate na França e as festas generosas do Período do Renascimento. Uma bolsa repleta de especiarias e guloseimas nos acompanha nesta deliciosa jornada de descobertas.

Na fortaleza real de Chinon

Forteresse Royale Chinon Credit ADT Touraine JC Coutand 2028-17-crop

Embarque imediato para uma viagem de volta no tempo! A fortaleza real de Chinon oferece aos seus visitantes um mergulho na evolução das decorações de Natal desde o final do século XIX. Das vitrines das lojas de departamento dos anos 30 aos anos 90, viajamos pelo mundo fantasioso de pinheiros decorados de acordo com cada época, sem esquecer de mencionar os presentes no pé da árvore de Natal. A Fortaleza Real de Chinon também exibe cartazes de Natal dos anos 1900.

Casse noisette crédit Shutterstock Phil Kieran (2)-crop

Mergulhamos no mundo do “Quebra-Nozes”, um conto de Ernst Theodor Amadeus Hoffman, escrito em 1816. Os pequenos soldados de madeira dão vida aos corredores da fortaleza através de leituras de histórias, animações e outros ateliês de preparação para o Natal. Na masmorra, aprendemos a fazer uma coroa para decorar nossas casas. Também são oferecidas visitas guiadas sobre o tema "Umafortaleza no inverno". Descobrimos como era o inverno entre as muralhas do castelo durante a Idade Média, quais eram as ocupações de seus habitantes e como se protegiam do frio.

No castelo de Langeais

Em Langeais, descobrimos os tesouros de Natal da época dos senhores. Pratos extraordinários, como faisões e pavões, nos convidam para a mesa do banquete, enquanto jóiasluxuosas aguardam para serem vestidas nos quartos. Também admiramos as composições de plantas criadas para a ocasião, que inclui a árvore de Natal exuberante que fica no salão de banquetes. Várias atividades estão na programação de fim de ano, incluindo o ateliê do copista, que nos permite descobrir a caligrafia enquanto faz um cartão personalizado e um passeio narrado no castelo com uma comediante.

O castelo e os jardins de Villandry

Prepare-se para um Natal em família no “Carvallo”, proprietário do Castelo Villandry desde o início do século XX. Em um clima caloroso e amigável, desfrutamos de um ambiente festivo conectado à natureza, graças aos jardins! Depois de um passeio no castelo, seguimos os passos de Celestine e saímos pelos jardins para descobrir seus mosaicos de repolho e alho-poró,e as plantas bem podadas que formam desenhos em uma decoração verde magnifica. Pura magia!