Vale da Dordonha: o que fazer, o que ver…

Suspenso, o tempo escoa com um perfume de férias no vale de Dordogne. É possível voar em direção à aldeia elevada de Rocamadour, escutar a natureza ainda preservada, avançar de gruta em gruta, até Lascaux. E, desde as estradas pitorescas até aos caminhos de Santiago de Compostela, cada etapa é uma maravilha geológica, um lugar classificado pela Unesco ou uma revelação gastronómica. 

O QUE VER

  • A bastida de Monpazier
  • O centro urbano de Sarlat
  • O castelo de Beynac
  • O precipício de Padirac
  • Montignac e as suas casas pré-históricas
  • A gruta de Lascaux IV
  • O claustro de Cadouin
  • O castelo de Hautefort
  • Os jardins de Marqueyssac em Vézac
  • A aldeia de Beaumont

O QUE FAZER

  • Vestir a pele de um homem de neandertal no Parque Pré-Histórico de Tursac...
  • Refrescar-se nos rios Dordogne e Vézère
  • Percorrer os caminhos de Cyrano em Bergerac
  • Recuperar a memória no museu nacional da Pré-História em Eyzies de Tayac
  • Passear nas alturas em Domme 
  • Fazer compras em Issigeac
  • Mergulhar nos segredos das caves de Monbazillac
  • Percorrer os caminhos de Joséphine Baker no castelo de Milandes
  • Fazer de cavaleiro no castelo de Castelnaud e no Castelo de Beynac
  • Apanhar boletos na floresta (ou até mesmo trufas)

Para mais informações:

Como chegar à Dordonha 

Ir mais
longe