Notre-Dame de Paris: os 6 projetos de restauração mais criativos

Após o trágico incêndio que atingiu a Notre-Dame de Paris, designers e arquitetos de todo o mundo trabalham em projetos para a reconstruçãodo telhado e da torre da catedral. Embora nenhumprojeto tenha sido oficialmente selecionado, as primeiras propostas evocam “a luz”, “o divino” e a “ascensão aos céus”, emblemas dos edifícios religiosos da arquitetura gótica. Inovador, audaciosos, otimista, futurista ... Aqui estão os 6 projetos mais chamativos para a reconstrução da Nossa Senhora de Paris.

"A Nossa Senhora da Natureza"

Clement Willemin, arquiteto do gabinete francês BASE Paris, imaginou o telhado de Notre-Dame como um jardim futurista do Éden, em homenagem às milhares de vigas de carvalho que formavam a "floresta" do edifício. Willemin propõe novas gárgulas na imagem de aves dodos, rinocerontes brancos e outras espécies extintas, ou ameaçadas, para alertar sobre a necessidade de sua preservação.

"A Nossa Senhora das Chamas"

O arquiteto Mathieu Lehanneur revela seu projeto em oposição à reconstrução de uma torre gótica do século XIX. Ele propõe uma grande chama em fibra de carbono e folha de ouro, como um testamento à prova de fogo sofrido por Nossa Senhora. Através da chama, Lehanneur também busca o tema do “fogo” que é muito presente no Cristianismo. O projeto evoca o espírito de resiliência de Nossa Senhora ao longo dos tempos, seja durante a Revolução Francesa ou durante a Segunda Guerra Mundial.

"Nossa-Senhora de Verre"

O arquiteto belga, Vincent Callebaut, propõe um projeto que liga o passado e o presente entre o homem e a natureza. Ele propõe os elementos clássicos da arquitetura gótica – como a torres beltaque aponta para o céu e o jogo de luz através dos vitrais – porém, com uma dimensão ecológica. Seu projeto tem como objetivo produzir mais energia do que consome, através de um jardim cultivável. Callebaut espera que a Nossa Senhora maravilhe o mundo novamente com sua mensagem de “paz e espiritualidade".

Nossa Senhora da Luz"

Vizum Atelier, arquiteto de uma agência eslovaca, certamente exibe o conceito mais elevado: uma torre acrescida por um grande feixe de luz que ilumina os céus. Uma visão futurista projetada para expressar a proximidade com o divino, que foi o símbolo da arquitetura gótica da época.

"Nossa Senhora das Cores"

O arquiteto Alexandre Fantozzi,da agência AJ6 I ArchProperties Design, oferece sua visão de vestir o telhado de Notre-Dame de Paris com toda a sua elegância original: grandiosos vitrais de todas as cores que relembram os famosos vitrais da catedral antes do incêndio. Este projeto materializa e honra a declaração de amor de Victor Hugo com as cores de NotreDame e sua arquitetura gótica: "Somente o grande vitral da fachada, cujas mil cores estavam mergulhados em um raio de sol horizontal, brilhavam na sombra como um amontoado de diamantes e ecoou no outro extremo da catedral seu espectro deslumbrante" – Victor Hugo.

"Nossa Senhora da Meditação"

A empresa de arquitetura sueca Ulf Mejergren Architects não pretende reproduzir a Catedral de Notre-Dame da mesma forma.Longe disso! De acordo com este projeto, não há necessidade de reconstruir o telhado ou a torre de Viollet-Le-Duc. Aidéia é apreciar a vista panorâmica de Paris no coração de um espaço "meditativo". Os 12 apóstolos, salvos das chamas durante o incêndio, voltariam a representar os guardiões de um enorme espaço aberto ao público.