A cultura disponível para todos em Bordeaux

Selecionado pela Unesco por seu excepcional patrimônio urbano, Bordeaux possui mais de 350 edifícios classificados como monumentos históricos. A arte e a cultura encontram-se em todos os cantos das ruas e abrigam-se em alguns belos e importantes museus, incluindo o Muséum de Bordeaux, que reabre suas portas. Siga o guia!

Um museu de tamanho real

O esqueleto de uma grande baleia azul, com duas toneladas de ossos, está pendurado no teto ... Esta é uma das instalações espetaculares do Museu de História Natural de Bordeaux, que foi reaberto em 30 de Março. A seleção de 3.500 peças, expostas nos novos espaços reformados e ampliados, se beneficia de uma encenação inovadora, interativa e imersiva. Um show multimídia transforma a grande galeria por várias vezes ao dia, dando vida aos animais em seu ambiente natural. Uma experiência apaixonante para as crianças acima de 6 anos.

Em direção ao Musée Mer Marine (Museu Marítimo de Bordeaux)

Sua rota permanente será inaugurada no verão de 2019, mas já podemos embarcar nesta grande embarcação branca no coração do vibrante bairro arquitetônico de Bassins à Flot. Inaugurado no outono de 2018, com uma primeira exposição temporária, o Musée Mer Marine possui mais de 6.000 m², e retrata a fabulosa história entrelaçada entre o mar e o Homem. Através de uma cenografia dinâmica, obras de arte, mapas, objetos marinhos e modelos de barcos de todos os tempos ajudam-nos a ver "além dos horizontes".

Conceito eclético no Instituto Cultural Bernard Magrez

Uma magnífica mansão do século 18, com seus elegantes jardins franceses ... Este é um cenário de sonho para exibir uma seleção eclética de obras modernas e contemporâneas. As coleções públicas ou privadas, e as operações patrocinadoras do proprietário, Bernard Magrez (um excelente enólogo e amante da arte iluminada), fazem do ICBM uma experiência cultural imperdível em Bordeaux.

Entre no “Grand Théâtre”

As ruas mais famosas de Bordeaux se direcional para o Grand Théâtre, construído em 1780 e considerado um dos mais belos do mundo. Além de sua acústica excepcional, a sua fachada com colunas coríntias, a grande escadaria (que inspirou o arquiteto Charles Garnier no projeto da Ópera de Paris), e o incrível lustre em cristais boêmios, surpreendem e impressionam. A visita é aberta ao público, e é ainda mais fascinante se tivermos a sorte de ver uma ópera em ensaio.

Uma base submersa – Base Sous-Marine

Concreto cru, aço, água, escuridão, história ... e arte!
No distrito de Bassins à Flots, a Base submarina é um gigantesco bunker (uma estrutura fortificada subterrânea criada durante a guerra). A Base foi construída pelos alemães para abrigar submarinos durante a Segunda Guerra Mundial. Organizado em onze setores, interligados por uma rua em seu interior, este lugar atemporal abriga exposições temporárias, concertos e shows em um ambiente literalmente “underground”!

De volta ao passado no Museu de Artes Decorativas e Design

Nós acreditamos nisso! Com um mobiliário e decoração da época, o Museu de Artes Decorativas e Design, localizado no Hotel Lalande, transporta-se no ambiente de uma casa aristocrática de Bordeaux do século XVIII. Mas o design contemporâneo também é notável. Uma mistura de gêneros impressionantes e excitantes, está localizado em um patrimônio classificado como monumento histórico.

CAPC – Museu de Arte Contemporânea de Bordeaux

Cacau, café, açúcar, rum, baunilha, cravo e almíscar estão empilhados há mais de um século. Por 40 anos, a arte contemporânea floresceu no local, nas salas de tetos abobadados e nas longas galerias do antigo armazém de alimentos colonial de Lainé, que agora é o Museu de Arte Contemporânea de Bordeaux (CAPC). Uma das mais ricas coleções da França – 1.300 obras e 190 artistas – nos convida a mergulhar em meio século de criação no coração de uma arquitetura excepcional.

Paixão por Belas Artes

Nas alas do Palais Rohan, o Museu de Belas Artes é o lar da beleza. De Ticiano à Picasso, passando por Delacroix, Rubens, Matisse, Renoir, Velasquez, sem esquecer de Rosa Bonheur (natural de Bordeaux), cerca de 330 obras, pinturas e esculturas coexistem através de um conjunto de design recentemente redesenhado, divertido e educativo.