“100 artistas na cidade " em Montpellier

Para acompanhar e celebrar a inauguração do MOCO, toda a cidade de Montpellier será transformada em um museu para o evento "100 artistas da cidade", que acontecerá de 8 de Junho à 28 de Julho de 2019. Uma oportunidade imperdível para se (re)descobrir, através do prisma da arte contemporânea, esta cidade da Occitânia repleta de criatividade.

A origem deste evento vem de uma idéia maluca que surgiu na década de 1970, graças ao espírito da vanguarda de quatro artistas de Montpellier. Os quatro artistas fundaram o movimento “Support/Surface”. Este grande movimento da arte contemporânea ilustra o pensamento em torno do suporte da tela, mas também a superfície dela – de onde vem o seu nome.

Nessa ocasião, os iniciadores do movimento (Tjeerd Alkema, Jean Azemard, Vincent Bioulès e Alain Clement) já haviam investido nas ruas da cidade para expor seus trabalhos. Esta foi uma forma original de questionar as técnicas da pintura e enraizar a criação em seu território.

Para acompanhar a inauguração do MOCO agendada para Junho de 2019, a exposição "100 artistas da cidade" está sendo organizada em Montpellier.
O nome do evento foi apropriadamente selecionado pois os espaços de exposição tradicionais serão mobilizados, mas também as praças públicas, cafés, lojas e muitas paredes e fachadas da cidade. Tudo se torna um palco para a expressão de centenas de artistas selecionados. É impossível escapar da riqueza da criação contemporânea durante estes dois meses de festividades!

Artistas excepcionais mobilizados para a abertura do MOCO em Montpellier

Entre os artistas convidados, temos: Hicham Berrada, um artista franco-marroquino que combina arte e ciência, Fabrice Hybert, recentemente eleito pela Academia de Belas Artes, e o autodidata de Camarões, Pascale Marthine Tayou...