Vizinha da Torre Eiffel: Rue Saint Dominique

  • Rue Saint Dominique - © Dani Maia

    Rue Saint Dominique - © Dani Maia

  • Rue Saint_Dominique - Ponte Alexandre III - © Dani Maia

    Rue Saint_Dominique - Ponte Alexandre III - © Dani Maia

  • Rue Saint Dominique - © Dani Maia

    Rue Saint Dominique - © Dani Maia

  • 30 Jours à Paris

    30 Jours à Paris

Vizinha da Torre Eiffel: Rue Saint Dominique

Estou muito contente com a minha estreia aqui no 30 Jours à Paris! Refleti bastante sobre qual lugar deveria apresentar para vocês, pois sou apaixonada por Paris, moro aqui faz algum tempinho e todo lugar para mim é especial.  Resolvi, então, por motivos óbvios, apresentar o bairro que escolhi para morar e onde se encontra o ponto turístico mais emblemático e o maior símbolo da cidade luz, a Torre Eiffel.

Este bairro é frequentado por todos os visitantes de Paris, porém eles ficam tão seduzidos pela torre - que sem dúvida alguma é maravilhosa - que acabam perdendo a oportunidade de explorar melhor esta localidade de Paris tão residencial e com muitas coisas interessantes para ver, provar e descobrir.

O bairro onde reside esta imponente torre é o 7ème arrondissement, na rive gauche. Uma curta explicação: Paris é cortada pelo rio Sena, com isso existe a « rivedroite » (parte direita do rio) e a « rive gauche » (parte esquerda do rio). A melhor forma para conhecer o bairro e chegar à Torre Eiffel é atravessar a famosa Ponte Alexandre III (se você estiver na rivedroite) que leva diretamente aos  « Invalides », monumento também muito famoso de Paris.

Virando à direita, chegamos à rua Saint Dominique, uma das mais famosas do bairro pelos seus bistros tradicionais, restaurantes gastronômicos, renomadas pâtisseries francesas e toda variedade de comércio.

Muitos nomes famosos da gastronomia francesa se instalaram nesta rua e destaco aqui, como exemplos, os restaurantes da minha preferência. O meu predileto é o LesFables de la Fontaine, cuja cozinha é comandada por Julia Sedefdjian, que no ano passado bateu o recorde como a chefe francesa mais jovem a conquistar uma estrela no guia Michelin. Julia tem apenas 21 anos!

Outro restaurante que costumo frequentar bastante pelas suas deliciosas vieiras frescas (em francês, Saint Jacques) é o LesCocottes, do renomado chefe Christian Constant.

Já para os fanáticos por carnes, o Fontaine de Mars, é um must go, a qualidade é excelente e é uma das mais antigas brasseries parisienses.

A brasserie Thoumieux, para quem gosta de um lugar mais requintado, tem uma decoração lindíssima, além da boa gastronomia e da sua pâtisserie deliciosa.

E aqui fica uma excelente dica: durante a semana todos os restaurantes oferecem um « menu déjeuner » por um preço super especial. Vale muito a pena conhecer bons restaurantes desta forma, custo benefício excepcional, porém é obrigatório fazer uma reserva com antecedência para conseguir uma mesa!

A rua Saint Dominique ainda tem diversos pequenos restaurantes, bares e também as tradicionais boulangeries (padarias). Sem dúvida, um verdadeiro tour gastronômico!

Bem no finalzinho da rua você vai encontrar o Champ de Mars, um parque verde delicioso destacado pela presença monumental da Torre Eiffel ! E é neste parque que você vai descobrir muitos ângulos diferentes para fotografar esta beleza de monumento que tanto seduz a todos! Além disso, o lugar é espetacular para uma reunião entre amigos, familiares, encontros amorosos e regado por um bom vinho francês ou um champagne o programa fica ainda mais perfeito!

Santé! Profitez vous bien!

Dani Maia

 

Este texto foi retirado do blog 30 Jours à Paris. Para mais informações, acesse o site.

Mais informações