Prove Paris

  • Macarons

    © Atout France/Nathalie Baetens

    Macarons

    © Atout France/Nathalie Baetens

  • Gastronomia

    © ©Sasha Mongin/Hôtel Intercontinental - Atout France/Gobelins, l’Ecole de l’Image

    Gastronomia

    © ©Sasha Mongin/Hôtel Intercontinental - Atout France/Gobelins, l’Ecole de l’Image

Prove Paris paris fr

Macarons 

O macaron parisiense tornou-se um item obrigatório na hora do chá, um biscoito doce feito de clara em neve e farinha de amêndoas e disponível em um arco-íris de cores e sabores. Não visite Paris sem dar uma passada pela Ladurée na Champs-Élysées, uma patisserie chique que elevou o seu status de qualidade graças aos seus impecáveis e excelentes macarons. Você pode escolher e compra-los individualmente para levar para casa em uma caixa turquesa requintada, mas se tiver tempo, reserve uma mesa para o chá e faça tudo no elegante ambiente como manda a tradição.

Ostras

As ostras são afrodisíacos famosos - e você não precisa estar na Normandia ou Bretanha para provar. Paris tem fabulosos restaurantes de frutos do mar dentre suas riquezas gastronômicas; La Coupole em Montparnasse tem uma reputação por suas ostras, entregues frescas todos os dias e habilmente retiradas de suas conchas e servidos em lindos pratos reluzentes. Experimente as mais diversas variedades: Marennes d’Oléron, Spéciale Gillardeau, ostras planas e as da Praia de Utah na Normandia, e quem sabe - ela não aumente a sua experiência romântica!

Harmonizando vinhos e queijos

Indiscutivelmente dois dos produtos mais emblemáticos da França, nenhuma estadia romântica na capital seria completa sem queijo e vinho. Repleta de delícias e laticínios e com capacidade para apenas 14 pessoas, esta pequena fromagerie ao lado do Canal St-Martin é o ultimato do retiro gastronômico com sua atmosfera aconchegante e convidativacom vista para a água. A prestativa equipe vai deixar você saborear numerosos queijos habilmente harmonizados com vinhos, e se você tiver pedido a mais não se preocupe: o que você não come pode ser embrulhado e levado para casa. Há grandes rodas dos clássicos favoritos, bem como variedades menos conhecidas, por isso se você é um novato ou grande conhecedor, a satisfação é garantida.

É recomendado fazer reserva com semanas de antecedência.

Coquetéis

Muitos dos coquetéis mais famosos do mundo se originaram em Paris. Beba como um parisiense em uma infinidade de belos bares, observando hábeis barmans fazendo o seu aperitivo perfeito. Você pode pedir um Francês 75 (um Soixante-Quinze), uma mistura simples, mas impressionante de gin, champagne, suco de limão e açúcar. Ou tente um Sidecar, com conhaque e licor de laranja. Se o amor está no ar, talvez apenas um cocktail rosa irá servir: nesse caso o Rose a base de vermute, criado pelo renomado bar parisiense The Chatham na década de 1920, deve satisfazer suas expectativas, ou um Kir Royale com a sua pitada de Crème de Cassis roxo.

É difícil falar sobre bares de coqueteis sem mencionar o Experimental Group (Grupo Experimental). Há quase 10 anos desde que os  três amigos de infância abriram seu primeiro bar parisiense juntos - o Experimental Cocktail Club em Montorgeuil. Já no auge da moda em Nova York, Paris não tinha muitas opções de drinks, e assim foi um sucesso imediato. Os irmãos logo abriram um outro estabelecimento no coração de Saint-Germain-des-Prés - o Prescription Cocktail Club –com a mesma combinação de decoração acolhedora, música jazz e a super competente equipe de barmans que deliciam os clientes com misturas personalizadas. Não deixe de visitar esses bares:

  • No distrito de Haut Marais, os coquetéis do Le Démon são uma obrigação. Sente-se e acomode-se em uma verdadeira jóia de bar acima do restaurante Beaucoup e aproveite do ambiente acolhedor: pele de carneiro nas poltronas, uma bancada de bar de bronze, e um magnífico mural pintado de preto e branco assinado pela artista Paola Parès.
  • Le Kult no Hotel Saint é a resposta. Em uma rua tranquila e charmosa nos arredores de Saint-Germain-des-Pres, a romântica fachada floral do hotel capta sua atenção imediatamente. Leve e refinado, o design interno combina charme parisiense do século XIX com um clube inglês de cavalheiros e um bar mogno. Uma vez hospedado, saboreie um dos 10 coquetéis criados especialmente para o hotel.
  • A poucas ruas de distância, explore outra jóia rara, L’Hôtel projetado por Jacques Garcia, na rue des Beaux Arts. Construído em 1828, o hotel recebeu muitas celebridades ao longo dos anos: Oscar Wilde, Salvador Dali, a Princesa Grace de Mônaco, Frank Sinatra, Jim Morrison e Serge Gainsbourg. O glamuroso bar é o cenário perfeito para um Plytchi, um dos coquetéis da casa com gin e uma base de xarope rosa.
  • O mesmo distrito, uma sensação diferente, o bar Cinq Codet tem uma atmosfera contemporânea mas refinada. Com uma sensação de estar em um loft, amenizados pelos tons verdes e pretos de pedras de 1930, o hotel permite que os clientes saboreiem coquetéis no seu bar ou no seu pátio fabuloso.
  • Cruzando o rio Sena, chegamos ao distrito de Montorgueil para reviver os anos loucos do Hôtel Bachaumont. Seu bar - o Night Flight - desenvolvido pelos mestres do Experimental Group, tem uma decoração e menu inspirados pela viagem. Ao redor é só veludo, mármore preto e lareiras... um ambiente de luxo para degustação de coquetéis!

Vinhos de um vinhedo secreto

Vinhedos em Paris? Sim! Não é fácil de fazer bom vinho em uma cidade poluída, mas não é impossível. Descubra este local tranquilo no norte da cidade. Propriedade da prefeitura de Paris, o Clos Montmartre é o único e mais antigo vinhedo ativo na capital e consiste em 1.900 videiras das variedades mais clássicas de regiões produtoras de vinho da França, mais outras tantas de híbridos. Todos os anos rótulos de vinhos são pintados por artistas locais e o dinheiro arrecadado vai para caridade. O enólogo Francis Gourdin faz visitas guiadas durante a vendange (colheita da uva), recebendo amantes de vinho de toda a França. O vinho do Clos Montmartre está disponível para compra por cerca de € 45 a garrafa - algo para beber de volta para casa quando você estiver se sentido romântico talvez?

Mais informações

A ver

Ponto de interesse