Deauville, o balneário que impressiona

Deauville, o balneário que impressiona

Viver Deauville é caminhar entre o mar e belos jardins, descobrir sua arquitetura tombada em um balneário onde tudo é acessível a pé ou por bicicleta. É desvendar os campos de golf da Normandia e assistir a espetáculos hípicos. É participar de um concerto em um cassino e descobrir os novos talentos do cinema americano, tomando café com artistas que se inspiram na cidade.  É fazer compras nas lojas mais elegantes, descobrir sabores nos mercados públicos e se encontrar na cave de um produtor de Calvados, degustar os produtos de terroir ou nada fazer nas praias.  <?xml:namespace prefix = o />

De uma pequena aldeia de Coteau à uma estação balneária renomada, Deauville  conheceu uma enorme ascensão. Anfitriã exemplar, a cidade soube se adaptar no decorrer dos anos às evoluções do turismo e desenvolveu sua infra-estrutura e parque hoteleiro.   Seu compromisso permanente para aumentar seus produtos, o respeito ao meio ambiente, a valorização do patrimônio e acessibilidade conferem ao lugar uma posição única na França.

Deauville sempre apreciou o barulho das ondas, o canto das andorinhas e as velas içadas no mar. Cada turista encontra sua atividade de acordo com seus interesses: catamarã, veleiros ou iates.

<?xml:namespace prefix = v />

Desde sua fundação, Deauville enriqueceu seu patrimônio. Todos os movimentos arquitetônicos estão presentes na cidade e traduzem a personalidade da cidade. Para preservar toda essa riqueza, a cidade criou em 2005 uma zona de proteção do patrimônio arquitetônico, onde 555 prédios estão inscritos.

O cavalo sempre marcou a história da cidade desde sua fundação. Hoje, vitrine internacional eqüestre e pólo atrativo da região, Deauville acolhe em seus dois hipódromos as corridas, leilões de puro sangue, campeonato internacional de pólo, centros de treino, competições de salto, entre outros.

Se Deauville é associada e esportes como pólo e a venda de  Yearlings, ela igualmente sempre atraiu escritores, pintores, fotógrafos, homens políticos... Com espírito feminino, Deauville brinca com os códigos e impõe um estilo de vida descontraído que soube atrair também estilistas, como Chanel, cineastas, como Cocteau, e todos os impressionistas.  E você, não vem descobrir a cidade?

Mais informaçõeswww.deauville.org