A confeitaria francesa

  • © Atout France - Cédric Helsly

  • Macarons

    Macarons

    © Atout France - Cédric Helsly

  • © Atout France - Cédric Helsly

A confeitaria francesa

Pequena história da confeitaria

Foi na Idade Média que surgiu a distinção entre cozinheiros e confeiteiros. Com o casamento de Catarina de Médici e o futuro Henrique II, apareceram os primeiros sorvetes, bem como a pâte à choux, criada por Popelini. No século XVII, Ana de Áustria trouxe o chocolate da corte espanhola, as pièces montées foram levadas a Versailles e o creme Chantilly foi criado por Vatel. Mas foi no século XIX que a confeitaria francesa conheceu seu verdadeiro fundador.

Atualmente, os confeiteiros que se tornaram famosos revisitam diversos clássicos da confeitaria. Pierre Hermé, Philippe Andrieu, Christophe Michalak, Christophe Felder e Philippe Conticini viajam pelo mundo todo ""assinando"" suas criações e apresentando suas ""coleções"" em verdadeiros santuários da confeitaria.

 

O top 10 dos clássicos da confeitaria francesa

- A tarte tatin

- O Paris-Brest

- A religieuse

- A éclair

- O mil-folhas

- O macaron

- O Saint-Honoré

- A Opéra

- A torta de limão com merengue

- O fraisier.

 

Faça alguns cursos de confeitaria

- Em Paris e Estrasburgo, com o antigo chefe confeiteiro do Crillon, Christophe Felder.

- Em Lyon, o confeiteiro Sébastien Bouillet abriu sua ""Gâteau Ecole"" (Escola de Bolos), que oferece cursos temáticos.

- No Vale do Rhône, o chocolateiro Valrhona irá transmitir a você a arte das éclairs, dos macarons e dos grandes clássicos (Saint-Honoré, opéra, mil folhas...).

 

Boas confeitarias em Paris... e na França

- La Pâtisserie des rêves, em Paris: Philippe Conticini revisita os clássicos da confeitaria.

- Sève, em Lyon: o mestre chocolateiro e confeiteiro Richard Sève oferece suas criações originais em suas quatro lojas, em Lyon.

- Les Douceurs de Louise, em Bordeaux: Philippe Andrieu criou as éclairs com frutas, macarons, tortas e outros bolos.

- La pâtisserie Intuitions, em Cannes: o chefe Jérôme de Oliveira, campeão mundial em Confeitaria, oferece suas criações: Paris-Brest, torta de limão e merengue, fraisier, tropézienne.