Rendez-vous na Lorena

  • © M. Laurent / CRT Lorraine

  • © M. Laurent / CRT Lorraine

  • © M. Laurent / CRT Lorraine

  • © M. Laurent / CRT Lorraine

  • © Walygator Parc

  • © M. Laurent / CRT Lorraine

Rendez-vous na Lorena 54000 Nancy fr

Rodeada por Bélgica, Luxemburgo e Alemanha,  Lorena é um ponto estratégico que se destaca pela tranquilidade. Não faltam razões para visitá-la!

Aos apaixonados pela arquitetura e pela arte, recomendamos Mirecourt, Bar-le-Duce e Epinal.

Para quem gosta de caminhar, o Parque Natural Regional de Lorena e a reserva de Bitche oferecem belos percursos por entre lagos, florestas e vales. As fontes também merecem uma visita. Vale a pena conhecer e hospedar-se nas estâncias termais de Contrexéville ou Vittel.

Local onde a critividade impera, você encontra trabalhos de rendas, esmaltes ou faianças e cristal.

A arte nova chegou a Nancy por impulso de Emile Gallé, mestre vidreiro. No museu-escola da cidade estão as obras de Gallé, Daum e Majorelle. A arte nova pode ser encontrada também fora dos museus, nas ruas, expostas nos vitrais de um prédio ou nas fachadas de uma cervejaria, ponto de encontro por excelência. Você não poderá deixar esta região sem provar a quiche Lorraine, a tarte salgada, conhecida pela sua harmoniosa conjugação entre tiras de toucinho, ovos e natas.

Não deixe de conhecer

Epinal, Metz, Nancy e Verdun: cidades de Lorena que o surpreenderão  com o seu patrimônio artístico, cultural e histórico.

Os ofícios da arte: o cristal, as faianças, a imagens de Epinal.

Os 3 Parques naturais regionais: Lorraine, Vosges do Norte, balões dos Vosges.

4 700 km de vias navegáveis, com a famosa área inclinada de Saint-Louis-Arzviller, verdadeiro elevador de barcos.

Lugares históricos em Lorraine: Verdun, a linha Maginot através de toda a Lorraine.

As estâncias termais: Vittel, Contrexéville, Amnéville, Plombières e Bains-les-Bains.

A herança patrimonial de Stanislas, duque de Lorraine, pode ser admirada em Nancy e nos seus arredores: o castelo de Haroué, de Fléville.

As catedrais de Lorraine e a famosa cidade de Metz.

Os mais de 100 jardins, incluindo o de Berchigranges, de Haut Chitelet.

O parque de lazer de Sainte-Croix, ótimo para passeios.

No coração das colinas de Verdun estão as marcas de milhões de máquinas de guerra que marcam uma época. Foram mortas mais de 300.000 pessoas e cerca 400.000 ficaram aleijadas para toda a vida.

Linha Maginot, com o nome do Ministro da Defesa e Forças Armadas da época, é uma linha de fortificação construída pela França ao longo da fronteira, devido à guerra.

A região fortificada de Metz é considerada perfeita. Podem ser visitados os locais de Fermont, Simserhof, os fortes de Michelsberg, de Hackenberg ou também o forte Casso.

A obra de Fermont: verdeira cidade subterrânea, abrigava em 1940 mais de 600 homens. Smerhof oferece hoje uma impressionante vista da Linha Maginot. Uma visita que dura 3 horas e permite conhecer locais marcados pela dureza da história, bem como consultar imagens de arquivo sobre o destino trágico desta edificação e suas patentes ao longo do percurso. As projeções cinematográficas restituem a intensidade dos combates de 1940.

Metz

Dê um longo passeio pelas fortificações e pelo rio Mosela. Descubra as inúmeras riquezas, como a catedral de Saint- Etienne, os museus de Cour d'Or, a praça de Saint Louis, que remonta à idade média. Perca-se nas praças de Comédie, Saint-Thiébault e Place des Armes, que apresentam uma arquitetura característica do século XVIII. A praça da estação caracteriza-se pelo seu toque de modernismo ao ser ilustrada por artistas contemporâneos.

Nancy

Esta cidade que remonta à idade média foi, no século XVIII, enriquecida com uma bela praça - uma das mais notáveis da Europa, hoje na lista do Patrimônio Mundial da Unesco.

Na mudança do século XX, Nancy tornou-se a alma da arte europeia, produziu artistas excepcionais como Gallé, Daum ou Marjorelle.

 

Gastronomia

Na Lorena e nos arredores de Nancy, a cozinha é feita de várias maneiras: em pote, conserva, patê, geleia e até aguardente. Tratam-se de verdadeiros testemunhos do paladar típodo da região! 

Os ingredientes são vários, com misturas sublimes de produtos da terra e da caça, charcutaria, peixes e cogumelos dos bosques, entre outros.

Existe também uma ampla variedade de bebidas, como aguardente de Mirabela, Clair de groselha, Perlé de ruibarbo.

Se for aficionado por doces, não deixe de provar o famoso mel da região dos vosgues e o pão de especiarias e os mel, apreciados em todo o país.

Seja você um amante do campo ou da cidade, esta região tem muito para lhe oferecer!

Related videos

 
 

Sponsored videos