Rendez-vous na Guiana Francesa

  • La Guyane

    La Guyane

    © ctguyane

  • La Guyane

    La Guyane

    © ctguyane

  • La Guyane

    La Guyane

    © ctguyane

  • La Guyane

    La Guyane

    © ctguyane

  • La Guyane

    La Guyane

    © ctguyane

Rendez-vous na Guiana Francesa 97000 Cayenne gy

A Guiana! Ninguém vai acreditar em você.

Paraíso do ecoturismo, a Guiana se situa no nordeste da América do Sul, entre o Suriname e o Brasil.

Ao desenrolar o infinito tapete verde de sua floresta amazônica (8 milhões de hectares) sobre 90% do território, a Guiana reserva frequentemente seus encantos e mistérios àqueles que guardam o tempo para descobri-la através da única via tradicional: a via navegável. Percorrido em todos os sentidos por numerosos rios e riachos, esse destino se oferece pela água.

Uma aventura doce  que é acessível a todos os amantes da natureza e de encontros autênticos. Percorrer o Maroni de canoa, é ter o prazer de compartilhar a cultura e o modo de vida dos povos do rio – etnias ameríndias ou bushinengé. Uma experiência única a ser vivida em 4 dias, para descobrir aqui um vilarejo que se aviva, ali homens ocupados com a construção de uma canoa. Os dias ao longo da correnteza apresentam assim sua cota de emoções, de imagens fortes e da imensidão silenciosa.

Além dos rios, a Guiana pode também lhe surpreender com suas numerosas reservas naturais. Assim a sudeste de Caiena, os alagados de Kaw se espalham sobre quase 100000 ha. Esse paraíso de ervas e de água que atravessa o rio de Kaw, sobre o fundo montanhoso, é o reino de 3 espécies de jacarés e de numerosos pássaros: a garça-branca-grande, a garça moura, a jaçanã, a cigana…

A Guiana oferece realmente um apaixonante campo de observação da natureza, facilmente acessível e diante de excelentes especialistas da fauna e da flora.

Enfim, a Guiana é também história, a lembrança de uma prisão para trabalhos forçados cujos vestígios tombados podem ser visitados em Saint-Laurent ou nas Ilhas de Salut, ao largo de Kourou.

Retorno ao continente para evocar a conquista espacial, convidando-lhe a vivenciar um lançamento do foguete Ariane: emoção garantida!

E, sobretudo, não perca o Carnaval, esse período de festividades que excita a capital guianesa, cujas ruas se povoam de Touloulous, rainhas de uma noite.

Imperdíveis

  • Saint-Laurent e Maroni
  • As Ilhas de Salut e os vestígios da Prisão
  • O Centro Espacial Guianês e o Museu Espacial de Kourou
  • Caiena e seu carnaval
  • Os alagados de Kaw e sua fauna

Informações práticas

Cidade principal: Caiena

Formalidades de entrada: Na chegada, será solicitada uma carteira de identidade ou um passaporte, sem necessidade de visto.

Fuso horário em relação à Paris: - 4 horas no inverno, - 5 horas no verão.

Moeda: Euro

Clima: Equatorial, mas temperado pela ação dos alísios.

Temperatura: Em média ao longo do ano, faz 26°C (com máximas de 33°C)

Acesso

O aeroporto de Caiena é atendido por um voo diário proveniente de Paris Orly, realizado pela Air France e 3 voos com a Air Caraïbes (sendo um quarto voo a partir de dezembro de 2011), respectivamente partindo de Orly oeste e Orly sul. São voos diretos com duração de 8h30 aproximadamente.
A Guiana Francesa é também ligada às Antilhas pela Air France e pela Air Caraïbes. Esta última liga a Guiana ao Brasil.
A Air France liga a Guiana Francesa também a partir do Canadá e dos Estados Unidos, via Montreal e Miami com escala nas Antilhas.

Related videos

 
 

Sponsored videos